• Maria Mariana Xavier

O Mercado Internacional de Minério de Ferro

Atualizado: há 8 horas

Segundo a base de dados do Governo Brasileiro, a ComexStat, em 2020, o minério de ferro e os seus concentrados totalizaram 12% de todos os produtos exportados pelo Brasil, atrás apenas da soja (para saber mais sobre exportação de soja clique aqui). Ademais, as exportações do produto tiveram seu melhor mês em setembro de 2020, com mais de 37,5 milhões de toneladas exportadas.



Brasil e o Minério de Ferro

O Brasil é um sólido produtor e exportador de minério de ferro, e possui a quinta maior reserva do mundo da commodity. A mineração no Brasil como atividade econômica teve seu início no século XVII, com expedições denominadas de bandeiras e entradas, as quais buscavam vasculhar o interior do país em busca de metais valiosos. Atualmente, a produção brasileira de minério de ferro encontra-se concentrada principalmente nos estados do Pará e de Minas Gerais, que exportam aproximadamente 90% do minério de ferro exportado pelo Brasil.


Mineração e a pandemia do Covid-19

Desse modo, percebe-se que mesmo com a pandemia do Covid-19, o setor de mineração seguiu com as suas atividades e seus planejamentos sem grandes prejuízos. De acordo com Ronaldo Valiño, sócio da PwC - uma network de firmas independentes presente no mundo todo - a exportação de minério de ferro no Brasil não foi demasiadamente afetada pela pandemia visto que o real, a moeda brasileira, foi depreciado em relação às outras moedas, beneficiando os exportadores brasileiros. Isso ocorre pois quando a moeda de um certo país desvaloriza, as exportações do mesmo se tornam mais atraentes no mercado internacional, e desse modo, mais competitivas.



Principais Destinos

Os principais países importadores do minério de ferro brasileiro são a China, a Malásia, o Japão, o Omã, os Países Baixos e o Barein.

A China é o país que mais importa minério de ferro, tanto do Brasil como do mundo. Segundo a base de dados ComexStat, o país asiático importou 72% do minério de ferro brasileiro e seus concentrados. E, mesmo com a pandemia do Corona Vírus que assolou o país no começo de 2020, o que causou uma baixa das importações, a China conseguiu recuperar o ritmo das suas exportações após o relaxamento das medidas impostas para conter o vírus. Isso foi feito principalmente porque o país buscou retomar os seus investimentos na infraestrutura do país, e o minério de ferro é matéria prima setor siderúrgico, para a produção de aço. Para saber mais sobre a China e o seu comércio exterior, clique aqui.


O minério de ferro e a sustentabilidade

A atividade mineradora é comumente conhecida como uma atividade que possui um grande impacto ambiental, e muitas vezes um impacto negativo. Isso deve-se principalmente a quantidade de carga movimentada e os rejeitos gerados, que representam risco para a região e para a população ao redor da mineradora, uma vez que estão sob o perigo de serem afetadas por acidentes causados por mecanismos ineficientes de deposição e monitoramento.

Atualmente, a busca por práticas mais sustentáveis na indústria mineradora é recorrente. Um caso que a tecnologia de processamento a seco do minério de ferro em oposição ao processamento úmido do minério. Antes da ascensão do método mais sustentável, o minério de ferro era processado com água, utilizada para a classificação e purificação do minério de ferro. A umidez retirava as impurezas do minério, que prejudicam a qualidade final do produto, e Posteriormente, o material precisava ainda ser submetido a processos de redução da umidade para ser empilhado e transportado. No processo de extração do minério a seco - mais sustentável - o minério de ferro extraído passa por equipamentos que o quebram em partículas menores, e então é classificado por tamanho. A partir de então, o minério passa por peneiras, onde é separado de acordo com as especificações padrões do produto, e já está pronto para ser comercializado.

Ademais, para que o comprador possa se certificar que o minério de ferro foi produzido com os devidos cuidados, existem os selos e certificações que buscam assegurar isso. Dentre alguns que podemos mencionar, estão o Fair Trade, a certificação da IRMA - Initiative for Responsible Mining Assurance (Iniciativa para Garantia de Mineração Responsável) e a certificação da TSM - Towards Sustainable Mining (Rumo à Mineração Sustentável).


Como a Domani pode te auxiliar?

Considerando o minério de ferro como um produto brasileiro já solidificado no exterior, e, como foi dito no texto, a desvalorização do real, esse é um bom momento para grandes, médios e pequenos produtores considerarem novos destinos promissores e investimentos no exterior. Porém, sabemos que esse é um processo complexo e que requer conhecimento prévio. Então, por onde começar? Como se adaptar aos padrões e demandas de consumidores internacionais? A Domani pode te ajudar!

Em nossa solução de Estudo de Mercado, auxiliamos o nosso cliente a encontrar o melhor país para ser o destino do seu produto. Já na nossa solução de Promoção Comercial, buscamos e indicamos como adquirir os melhores e mais bem aceitos selos e certificados de comprovação de origem e sustentabilidade do produto, como os mencionados no texto, e identificamos tendências de consumo para a melhor inserção do mercado internacional. Além disso, encontramos potenciais compradores para o seu produto no país escolhido. Ademais, realizamos os serviços de Planejamentos Burocrático, Logístico e Financeiro, para que seja possível o preparo antecipado para a operação e para que esta ocorra dentro dos conformes legais e sem grandes imprevistos.

Nos siga nas Redes Sociais!

LinkedIn: Domani Consultoria Internacional (link);

Instagram: @domaniconsultoria (link);

Facebook: Domani Consultoria Internacional (link).


Peça sua Proposta!

408 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo