top of page

Brasil bate recorde na exportação de algodão

Atualizado: 19 de abr.


Se há uma matéria-prima que tem ganhado destaque nos mercados globais, é o algodão brasileiro. O Brasil firmou-se como um dos principais fornecedores mundiais desse produto têxtil, conquistando mercados internacionais devido à pureza de suas fibras. Descubra agora por que o algodão brasileiro é um sucesso e como ele pode beneficiar o seu negócio.


Destaque no Mercado Global


De acordo com os dados da Associação Brasieleira de Produtos de Algodão (ABRAPA), o Brasil ocupa a segunda posição do ranking das exportações, contribuindo com 20% de todo o algodão exportado mundialmente. A alta demanda desse produto se concentra nos países asiáticos que lideram as importações de algodão brasileiro, tendo a China como principal importador, seguido por Vietnã, Bangladesh e Indonésia.


Só para a China, as exportações atingiram um valor FOB (free on board) impressionante de $828 milhões, demonstrando a confiança e preferência dos mercados internacionais pelo produto brasileiro. Analisando o nosso mercado interno, o Mato Grosso segue na liderança como o estado brasileiro que mais exporta algodão, alcançando a incrível marca de US$ 951 milhões somente neste ano. 


Diante disso, esse alcance pode ser explicado pelos avanços tecnológicos que estão melhorando as características da fibra, tornando-a cada vez mais adaptada às exigências do consumidor, é essa fibra que é usada para a indústria textil, utilizada nas confecções de fios para vários tipos de tecidos


Expansão e Recordes de Exportação


O êxito do algodão brasileiro é inegável. Apenas nos primeiros 19 dias de janeiro de 2024, as exportações já ultrapassam em 93,9% o mesmo período de 2023, impulsionado pela crescente demanda e pela qualidade do produto. Até o dia 26 de janeiro de 2024, foram exportadas 240,4 mil toneladas, alcançando US$ 1.925,10 por tonelada. Esse sucesso não se detém aí; as exportações brasileiras de algodão continuam a quebrar recordes. Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), em 25 de março de 2024, a média diária exportada já alcançava 14,1 mil toneladas, totalizando 225,6 mil toneladas apenas no mês de março, que também superaram os números do ano passado.


Por mais que seja um grande sucesso, é nesse cenário promissor que muitos empresários enfrentam desafios ao tentar aproveitar a oportunidade e expandir no mercado internacional. É aí que empresas como a Domani entram em cena, oferecendo soluções personalizadas para auxiliar no processo de exportação e direcionar os negócios para o caminho do sucesso global. Quer saber como? Entre em contato agora com um dos nossos analistas!



Impacto do mercado global nas produções


Além da demanda internacional, o sucesso do algodão brasileiro é sustentado por uma safra excepcional. De acordo com o levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), as plantações estão livres de pragas e doenças, o que é uma excelente notícia para os produtores.


Consequentemente, a área cultivada de algodão está em constante expansão, passando de 1,7 milhões para 1,9 milhões de hectares. A previsão é colher cerca de 3,6 milhões de toneladas de pluma, representando um aumento de 13,4% em relação ao ano anterior.


Em suma, o sucesso da exportação de algodão se deve às boas perspectivas de mercado e às condições climáticas favoráveis às lavouras.


Como aproveitar essa oportunidade?


Quer saber como alcançar o sucesso com o produto diante deste cenário promissor? A Domani, especializada em consultoria internacional e comércio exterior, tem um portfólio completo de soluções para ajuda-lo a adentrar no mercado internacional e aproveitar as melhores oportunidades globais. Não deixe essa chance escapar, solicite já o seu diagnósrtico!



 

 

Acompanhe nosso trabalho nas redes sociais!






Referências:


ABRAPA. Exportações brasileiras de algodão atingem volume recorde. Brasília. Brasil. 13 de março de 2024. Disponível em:https://abrapa.com.br/2024/03/13/exportacoes-brasileiras-de-algodao-atingem-volume-recorde-2/. Acesso em 10 de abril de 2024.


AGÊNCIA GOV. Safra de grãos 2023/2024: Conab estima produção de 294,1 milhões de toneladas. Brasília. Brasil.11 de abril de 2024. Disponível em: https://agenciagov.ebc.com.br/noticias/202404/safra-de-graos-2023-2024-esta-estimada-em-294-1-milhoes-de-toneladas. Acesso em: 11 de abril de 2024.


COMEXSTAT. Exportações e Importação Geral. Disponível:http://comexstat.mdic.gov.br/pt/geral. Acesso em 11 de abril de 2024.



SECRETARIA DE COMÉRCIO EXTERIOR, MDIC. Resultados do Comércio Exterior Brasileiro - Dados Consolidados. Disponível em: https://balanca.economia.gov.br/balanca/publicacoes_dados_consolidados/pg.html. Acesso em 11 de abril de 2024.





75 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page